domingo, 7 de junho de 2009

VEREDAS


"Poesia, talvez, seja caminhar na escuridão, fustigado pela fúria do vento, atormentado por vozes dissonantes, atacado por mãos ignóbeis, sem saber, sem jamais saber, se o próximo passo levará ao destino" - J. Costa Jr.

Nenhum comentário:

Postar um comentário