quarta-feira, 7 de setembro de 2011

MENTE TERMINAL

"Não é preciso ser bandido, ladrão ou assassino para destruir a própria vida. Basta encarar a vida com desprezo e indiferença. Exatamente como fiz durante toda a minha adolescência e juventude, achando que o fato de me tornar um bom escritor compensaria tudo. Hoje vejo entristecido e derrotado que não compensou nada. Absolutamente nada". - gjcjr.

Nenhum comentário:

Postar um comentário