domingo, 19 de maio de 2013

IS

Há poesia nas sombras. Quem sabe interpretá-la, quem pode absorvê-la...  Sem ferir-se a si mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário